No hate. No violence
Races? Only one Human race
United We Stand, Divided We Fall
Radio Islam
Know Your enemy!
No time to waste. Act now!
Tomorrow it will be too late

English

Franç.

Deutsch

Arabic

Sven.

Español

Portug.

Italian

Russ.

Bulg.

Croat.

Czech

Dansk

Finn.

Magyar

Neder.

Norsk

Polski

Rom.

Serb.

Slov.

Indon.

Türk.
O sacrifício de 6 milhões de pecadores


O primeiro-ministro israelense, Ehud Barak, reagiu às declarações de Yossef, dizendo que “não são dignas da posição do rabino, porque podem atentar contra a memória das vítimas da “Shoah” (Holocausto), os sentimentos de suas famílias e de todo o povo judeu”.

Declarações de rabino causam indignação. Líder diz que vítimas do Holocausto eram “reencarnação de pecadores”

Jerusalém. O líder religioso do partido ultra-ortodoxo Shas, o rabino Ovadia Yossef, provocou uma onda de indignação no fim de semana em Israel ao afirmar que os 6 milhões de judeus mortos no Holocausto eram “a reencarnação de pecadores”. – Os nazistas não mataram gratuitamente esses 6 milhões de infortunados judeus. Eles eram a reencarnação de almas que pecaram e fizeram coisas que não deveriam ter feito – afirmou o rabino, durante a sua pregação semanal, ao anoitecer de sábado, em uma sinagoga de Jerusalém.

Yossef, 79 anos, é uma personalidade de grande influência em Israel. Lidera o Shas, que conta com 17 deputados na Knesset(parlamento). O apoio do Shas, terceira força política israelense, é considerado fundamental sempre que algum partido chega ao poder e precisa fazer coalizões para se sustentar.

O primeiro-ministro israelense, Ehud Barak, reagiu às declarações de Yossef, dizendo que “não são dignas da posição do rabino, porque podem atentar contra a memória das vítimas da “Shoah” (Holocausto), os sentimentos de suas famílias e de todo o povo judeu”.

– Foram afirmações deploráveis, que só vão agradar aos simpatizantes do nazismo que ainda existem no mundo – reagiu, indignado, o líder do partido Shinui, Tommy Lapid.

– Das duas, uma: ou são divagações de um velho senil, e então devem ser tratadas como tal, para que não provoquem outros prejuízos ao povo judeu, ou representam a opinião de toda uma comunidade (a sefardita, judeus ?orientais), e isso é alarmante – disse Lapid em uma das rádios israelenses que passaram o domingo debatendo o tema.


Yossef: rabino é o líder religioso da
terceira força política israelense


Por sua vez, o deputado do Likud (oposição de direita) Avraham Hershson expressou o temor de que as afirmações “sejam exploradas por todos aqueles que negam a existência do Holocausto”. Israel é hoje o lar de cerca de 230 mil judeus – e seus descendentes – que conseguiram fugir da Alemanha e dos países conquistados pelos nazistas antes da II Guerra Mundial.

As declarações polêmicas de Yossef não pararam por aí. No mesmo pronunciamento, o líder religioso atacou ainda os esforços de paz com os palestinos realizados por Barak. Yossef acusou o primeiro-ministro de “correr como um louco atrás dos palestinos”.

– Barak traz serpentes para nosso lado. Está escrito no Talmude que Deus lamentou ter criado estes árabes – disse.


FONTE: Jornal Zero Hora do dia 7 de agosto de 2000, pág. 24


Veja também esta outra declaração do Rabino Yosef. 


"Israel como um Estado judeu constitui um perigo não apenas a si mesma e a seus habitantes, mas a todos os judeus, e a todos os povos e Estados do Oriente Médio e além."

- Prof. Israel Shahak, judeu e fundador da Liga Israelense de Direitos Humanos


Palestine banner
Viva Palestina!

Latest Additions - em Português

A Entrevista do General Remer
Um dos mais famosos comandantes militares da II Guerra Mundial

Quem controla o Brasil - sionismo na presidência

A conspiração Sionista - para dividir os estados Árabes em pequenas unidades

Fotos   

Herman Rosenblat, um – verdadeiro – cara de pau!    


Iraq under Jewish occupation
Iraq - guerra e ocupação


Rabino defende genocídio do povo palestino

A vez do Irã

Um Complô contra a Radio Islam

Massacre em Gaza - A bestialidade judeo-israelita
Por Alfredo Braga

O que é o Revisionismo?
 

"Se eu fosse um líder árabe nunca assinaria um acordo com Israel. É normal; nós tomamos o país deles."

- David Ben-Gurion, Primeiro-Ministro de Israel


Citações - sionismo

Os Judeus Khazares
Por Dr. Alfred M. Lilienthal


Rabino defende Holocausto Iraniano
“devemos orar pela destruição do Irã”

O poder oculto - De onde nasce a impunidade de Israel
Por Manuel Freytas

Down with Zio-Apartheid
StopJewish Apartheid!

Sobre a influência sionista no Brasil: Judeus no Brasil

As vitórias do revisionismo
Por Professore Robert Faurisson

The Jewish hand behind Internet The Jews behind Google, Facebook, Wikipedia, Yahoo!, MySpace, eBay...

Islamofobia = Propaganda Sionista

Um olhar para o poderoso Lobby judeo - Por Mark Weber

The Founding Myths of Modern Israel
Garaudy: "Os Mitos fundadores"


A Lavagem de Dinheiro das Drogas Pelos Judeus
Maior jornal Israelense Ma'ariv revela!

No assunto do rancor judaico à Cristandade - Por Israel Shahak

Racismo Judaico contra Não-Judeus conforme expresso no Talmud

Reel Bad Arabs - Revealing the racist Jewish Hollywood propaganda

Sobre "O Relatório Leuchter"

The Founding Myths of Modern Israel
Shahak: "Storia ebraica"

O Holocausto negro 
“O comércio de escravos estava nas mãos de judeus”

Protocolos dos Sábios de Sião

Videos - Importante coleção
 

Talmud unmasked
A Verdade Sobre o Talmud

O Talmud Desmascarado

Caricaturas

Ativismo! - Participa na luta!